Vamos falar de branding?

    Exibir tudo

    O branding pode ser entendido como os conceitos que definem a empresa e o modo como ela se posiciona no mercado. É um conjunto de atributos tangíveis e intangíveis que relaciona o produto ao usuário. É necessário que funcionários e clientes consigam compreender os fundamentos que regem a marca e que estes tenham coerência com os desejos e preferências de seu público-alvo. Além disso, ele serve como orientador para as decisões da empresa.

    Depois de implantada a marca, os gestores devem trabalhar para manter seus princípios sempre ativos na mente dos consumidores. Isso só é possível através de um árduo exercício das ações de comunicação. Um dos objetivos do branding, por tanto, é colocar a marca como parte da cultura no cenário onde está inserida, não se limitando, apenas, ao campo econômico. Em muitos dos casos, ele é o responsável por fidelizar clientes, pois está ligado a questões psicológicas dos consumidores. Ele, também, auxilia a empresa a adotar uma postura mais confiante no mercado e a sentir-se mais confortável durante o processo de tomada de decisões. Sua construção, no entanto, precisa ser baseada nas necessidades e desejos dos consumidores da marca.

    É formado pela visão, missão, valores, posicionamento, ideia central, conceito unificador, arquitetura da marca e outras definições da empresa. A identidade da marca, por tanto, deverá “transpirar” os valores da empresa, distribuindo associações criadas por todos os ambientes. As especificações técnicas do que está sendo vendido, deixaram de ser a base para as propagandas. Atualmente, o clima e as emoções transferidas ao receptor são capazes de criar um valor adicional ao produto. O cenário atual exige que as empresas sejam muito mais que apenas um instrumento de consumo. Marcas que são capazes de vender uma experiência ao consumidor, e não apenas um produto, se tornam muito mais fortes e geram mais vendas. Elas despertam uma sensação em seu público que afetará diretamente no processo de escolha da compra. Como exemplo, podemos citar a Coca-Cola. Os três preceitos que regem sua missão são: refrescar o mundo, inspirar momentos de otimismo e marcar a diferença. Subjetivamente associamos a bebida a momentos felizes e a sabor refrescante devido ao excelente trabalho do marketing da companhia ao longo dos anos, que estabeleceu de maneira sutil estes conceitos em nossas mentes.

     

    Fonte: Vivoverde.com.br

     

    Se você deseja se destacar da concorrência, ganhar mercado e atrair mais consumidores através de uma estratégia de posicionamento eficiente, entre em contato conosco. Nós sabemos como fazer sua empresa decolar.

    E aí, vamos voar juntos?